Em defesa do PT e de sua história: não as alianças espúrias

Nós, integrantes do Núcleo Américo Barreira, formado na sua maioria por militantes históricos do PT, vem por meio deste manifestar sua preocupação com os rumos do PT na presente conjuntura, especialmente em relação às alianças espúrias firmadas pelo partido em vários Estados, municípios espalhados pelo país.

Continuar lendo Em defesa do PT e de sua história: não as alianças espúrias

Haddad e o Socialismo como samba-enredo do bloco na rua

O bloco está prestes a ir pra rua e o esquenta já começou. Em entrevista ao blog Manifesto Petista (disponível aqui: https://www.youtube.com/watch?v=r-zxM47l7Cs&feature=youtu.be), o companheiro Fernando Haddad traz elementos importantes para orientar a organização do desfile. Irei aqui abordar e discutir alguns deles.

Continuar lendo Haddad e o Socialismo como samba-enredo do bloco na rua

O partido que brincava com fogo

O Partido dos Trabalhadores chega aos 41 anos em meio a dilemas e desafios. Derrubado pelo golpe parlamentar de 2016, perdeu parte de sua densidade eleitoral e foi derrotado por Jair Bolsonaro em 2018. Com seu principal líder, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, interditado por uma trama judicial, busca recompor uma orientação política que relance a legenda como alternativa viável de governo e poder.

Continuar lendo O partido que brincava com fogo

Retornar às bases

Wladimir Pomar

Ao completar 41 anos, o Partido dos Trabalhadores está confrontado por desafios que podem determinar seu futuro, não só como representação da classe trabalhadora, mas como organização política capaz de disputar o destino histórico do Brasil.

Continuar lendo Retornar às bases

Como botar o bloco na rua?

Valter Pomar

Definitivamente, o PT não é para principiantes. Em um partido mais “convencional” a direção nacional teria se reunido, tomaria uma decisão e a informaria publicamente numa coletiva comandada pela presidência. No PT é um pouco diferente: Lula se reúne com Haddad, Haddad dá uma entrevista ao 247, o Estadão e outros jornalões repercutem interpretando, certa confusão se estabelece dentro do Partido e principalmente entre os aliados.

Continuar lendo Como botar o bloco na rua?

Os desafios do PT aos 41 anos

Marcos Jakoby “O Partido dos Trabalhadores surge da necessidade sentida por milhões de brasileiros de intervir na vida social e política do país para transformá-la [...], da decisão dos explorados de lutar contra um sistema econômico e político que não pode resolver os seus problemas, pois só existe para beneficiar uma minoria de privilegiados. [...] Nasce, portanto, da vontade de emancipação das massas populares. Os trabalhadores querem se organizar como força política autônoma. O PT pretende ser uma real expressão política de todos os explorados pelo sistema capitalista.”

Continuar lendo Os desafios do PT aos 41 anos