Crimes no Rio e o queremismo bolsonarista

Como qualquer pessoa sensata deduzirá, a mudança demográfica não resulta de virtudes governamentais e o fortalecimento das milícias é sintoma de degradação institucional das polícias, além de indicar agravamento da violência, em sua dimensão matricial -o que torna cínica a celebração política do governo do estado, presente no trecho da reportagem sob o título “Mais investimentos”, alusivo a melhorias nas polícias...

Continuar lendoCrimes no Rio e o queremismo bolsonarista